Home / EXPLORED HISTORY / Os Francos – Parte 1

Os Francos – Parte 1

Esta é a primeira parte da série de Artigos sobre o povo medieval Franco. você pode conferir também a segunda parte aqui e a terceira parte aqui.

Os Francos, no Latim Franci ,-Lembrando que a pronúncia é “Franki, pois o “C” do Latim é duro – Foram um povo germânico que habitou uma região hoje entre a Bélgica e a Alemanha, conhecida por baixa e média Renânia –Sendo Renânia e região banhada pelo rio Reno. Vou colocar uma mapa para você visualizarem melhor:

 

Na imagem: Está centralizada a região da Renânia e os francos estão dividos em duas cores: Os Francos Salianos (em Amarelo) e os Francos Ripuarianos ( Em Laranja). De cinza está pintado as extensão do Território Romano na Região.

Os Francos Salianos migraram para as províncias romanas mais ao sul, na época conhecidas por Belgica inferior e então se assentaram por lá. A historiografia romana sobre os Francos muitas vezes se refere à eles como aliados ou inimigos, oque indica a instabilidade da relação entre romanos e povos vizinhos e federados dentro da fronteira Reno-Danubiana (nome culto para a fronteira norte do Império romano dos países baixos até a românia). De toda forma, por volta do século V D.C, os Francos Salianos já tinham estabelecido diversos e numerosos reinos na região que seus antepassados haviam emigrado. O chefe de um desses reinos, Childerico I, aceitou se subordinar ao governo militar romano da região –Magister Militum– em troca de ajuda para unificar os Reinos Francos. E deu certo: Childerico I e seu filho Clovis obtiveram diversos sucessos militares e depois de uma longa campanha uniram a constelação de reinos Francos.

Depois de Unir vários reinos francos sob uma bandeira e vendo que a Presença Romana estava cada vez mais debilitada, Childerico Funda o Reino dos Francos e inaugura a Dinastia Merovíngia em homenagem ao seu próprio pai, Meroveu.

Durante um tempo, Clóvis e também seu pai atuaram como comandantes militares romanos, subordinados ao Magistrado militar. No entanto, Clóvis posteriormente se rebelou contra a autoridade romana remanescente e teve de derrotar Siágrio em 486 D.C ( o então chefe romano da região ) no campo de batalha e todas as outros chefes francos menores aliados à ele. Após essa vitória, Clóvis pode conquistar todas as outras tribos Francas Salianas da Região assim como as tribos Ripuárianas ao leste dali. Depois de ter conquistado de vez por todas todos os Francos ele então moveu sua Capital para Paris e se Entitulou como “Rei de Todos os Francos” e senhor de toda a Gália.

Esse mapa mostra, em rosa escuro, a extensão do Reinado de Clóvis I

Na imagem: O Batismo de Clovis

Na imagem: Retrato posterior de Clóvis, Rei dos Francos, segurando um Bastão com a Flor-de-lis,  posteriormente associado como símbolo da Monarquia Francesa.

About Salomon Mebain

Fascinado por história e jogos de estratégia. Atualmente sou graduando em História e Editor da página HFMB, assim como criador de conteúdo aqui no Site.

Check Also

Desmistificando a Guerra dos Farrapos

A guerra dos farrapos foi sem dúvida a mais duradoura e é a mais conhecida …